GT Capacidades Institucionais

foto-05_capacidades

(foto: Kena Chaves/GVces)

Aqui você encontra todos os materiais técnicos produzidos no âmbito do Grupo de Trabalho sobre Capacidades Institucionais, além dos relatos dos encontros.

O processo de implantação e operação de grandes empreendimentos na Amazônia é caracterizado por múltiplos fatores de pressão que demandam plena capacidade de resposta das instituições, participação social e articulação entre setores. Em geral, o que se observa é um cenário de despreparo e sobrecarga, não apenas dos governos locais, mas também da sociedade civil, de instituições financeiras e de pesquisa, demais esferas da administração pública e das próprias empresas responsáveis pelos empreendimentos.

O tardio ou inexistente planejamento com foco na preparação das instituições – especialmente aquelas responsáveis por serviços básicos de cidadania, nas áreas saúde, educação, saneamento, mobilidade, entre outros – afeta, em última instância, o desenvolvimento de toda a região impactada. O caminho não se restringe a aumentar a quantidade de recursos materiais, humanos ou financeiros, ou ainda promover ações pontuais de capacitação profissional a servidores públicos, por exemplo. Também é preciso trabalhar as culturas organizacionais e novas práticas e valores, possibilitando-se maior transparência, planejamento e articulação institucional.

Documentos Técnicos

Relatos e materiais dos encontros

  • Reunião do GT Capacidades Institucionais: Relato e Apresentação – Brasília, 22/setembro/2016
  • 1º Fórum Integrador: Relato da Roda Temática sobre Capacidades Institucionais – Belém, 09/agosto/2016
  • Seminário de Consulta: Relato e Apresentação sobre Capacidades Institucionais – Altamira, 18/maio/2016